terça-feira, 10 de maio de 2011

A Fotografia Perfeita...

Apesar da dor que sentia, voltei àquele mesmo lugar para recordar a nossa história. Tudo parecia continuar igual, retirando apenas um simples pormenor... Desta vez, eu estava sozinho, não te tinha ao meu lado para apreciar tudo aquilo que aquele maravilhoso lugar nos proporcionava. Era verdade, naquela perfeita fotografia, a única coisa que faltava eras tu. As nuvens, de uma maneira estranha mas ao mesmo tempo agradável, estavam exactamente no mesmo sitio. As árvores, moviam-se com a força do vento, fazendo soar perfeitas melodias, melodias essas que nos faziam recordar qualquer momento ali vivido. O lago, ao contrário das árvores estava estático, como se sobre ele, estivesse uma fina e brilhante camada de gelo.
Dobrei a fotografia e decidi aproximar-me...
Naquele lago tão puro e límpido quanto as nossas almas, observei o reflexo que me mostrava.
Nele estava o meu reflexo junto do teu... Estavas ali, sempre estiveste, agora aquela linda paisagem estava completa, e não só a paisagem, como eu... Eu finalmente já me sentia completo...

11 comentários:

  1. AMEI, AMEI! se teres febre te da para escrever coisas destas, que tenhas pelo menos febre uma vez por semana. ahah, ly brother linduxo <3

    ResponderEliminar
  2. não tens que agradecer (:
    já agora , obrigada eu ;b

    ResponderEliminar
  3. continuas a escrever de uma excelente maneira. :)
    gostei. *

    ResponderEliminar